11/07/2018 08:32

O cérebro da criança: o papel da família e da escola

Mais Educação

Este foi o tema do 1º Seminário para os pais da Educação Infantil de Mandaguari, realizado pela Secretaria da Educação no centro de Convenções “Décio Bacelar”, que estava completamente lotado, apesar da noite fria desta terça-feira, dia 10 de julho.

A palestrante foi a professora doutora Larissa Renata de Oliveira Bianchi, que chamou a atenção dos pais para a realidade dos seus filhos e o que se passa no cérebro deles. O funcionamento do cérebro ainda é desconhecido da maior parte dos brasileiros. Para eles, o órgão não é considerado um fator importante para a primeira infância e seu desenvolvimento é visto apenas como crescimento físico. A população, de forma geral, acredita que as estruturas cerebrais já estão prontas no momento do nascimento e que não há qualquer mudança no decorrer do crescimento das crianças. O senso comum diz ainda ser muito importante evitar que as crianças batam a cabeça a fim de não prejudicar o cérebro – mas a massa cinzenta requer vários outros cuidados além desse nos primeiros anos de vida.

A palestrante possui doutorado em Biologia comparada pela UEM; Mestrado em Anatomia pela USP; Graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Maringá; Professora de Anatomia, Neuroanatomia, Bioética e Morfologia; Professora de Pós-Graduação; Palestrante em escolas, universidades e empresas; Participante de grupos de pesquisas e projetos de extensão em diversas áreas da biologia; Coautora de capítulos de livros e autora de diversos artigos na área de biologia.

         CRESCIMENTO - Para a secretária de Educação do município, Adenise Batista Rodrigues, que fez a abertura do evento, “o município tem dado muita importância para a participação dos pais no crescimento escolar das crianças e isso desde a Educação Infantil até o 5º ano do Ensino Fundamental e ficamos muito felizes quando vemos este centro de eventos lotado de pais interessados no assunto”.